...
Início
Março de 2023
Horário

Segundas e quartas-feiras das 19h às 22h30

Gestão Internacional

Aulas dinâmicas, voltadas para a aplicação prática dos conceitos teóricos discutidos em sala. Deste modo, o aluno tem acesso ao debate conceitual e o aplica para efetivamente compreender o funcionamento prático da gestão de negócios internacionais.
O curso de Especialização em Gestão Internacional é composto por três módulos de 120 horas cada: As Ferramentas de Análise da Gestão Internacional  (120 h),  Governança Internacional (120h) e Soft Skills Aplicadas à Gestão internacional (120 h).

Objetivo

O objetivo do curso é capacitar os estudantes para atuar no competitivo cenário internacional de múltiplas formas, compreendendo a complexa associação entre o universo corporativo e os campos da Gestão Internacional e das Relações Internacionais. A proposta é que os egressos aprendam os impactos da política e da economia para o processo de internacionalização de empresas, compreendendo, a partir disso, que a inserção internacional não se restringe aos procedimentos de importação e exportação, uma vez que há uma série de possibilidades no cenário internacional.

Público-alvo

Gestores de empresas e egressos de cursos de graduação de Administração, Engenharias, Ciências Econômicas, Comércio Exterior, Direito e Relações Internacionais.

Diferencial

Professores mestres e doutores, com sólida formação acadêmica e experiência no mercado de trabalho; discussão de cases práticos que contribuem para a compreensão das relações entre o sistema internacional e as empresas privadas; capacitação técnica para o desenvolvimento de soft skills imprescindíveis para as negociações internacionais; desenvolvimento de habilidades essenciais para a gestão internacional de empresas.

Carga Horária

360

Matrícula

Os valores correspondentes aos descontos por períodos serão concedidos de acordo com a data de pagamento da taxa de Reserva

Até 31 de outubro R$ 1.340,00
Até 30 de novembro R$ 1.460,00
Até 30 de dezembro R$ 1.675,00
Após 30 de dezembro R$ 1.780,00

Veja opção de financiamento
por módulo

Descontos

Ex-aluno graduado na Mauá: 10%
Grupos (2 ou mais alunos): 10%
Associados da AEXAM (ex-alunos): 15%
Ex-aluno graduado na Mauá em 2022: 30%
Empresas conveniadas (a consultar)

Investimento

Matricula + 5 parcelas de R$ 1.780,00*
Condições especiais para ex-alunos, grupos e empresas conveniadas

*Investimento por módulo (120 horas)

Taxa de Reserva: R$ 300,00

O pagamento poderá ser efetuado por meio de boleto, cartão de débito ou crédito. Na efetivação da matrícula essa Taxa de Reserva será deduzida do valor da matricula. Em caso de desistência da matrícula o valor da taxa de reserva não será devolvido e a retenção se faz necessária para pagamento das despesas administrativas relativas ao processo seletivo, conforme preconizado no Código de Defesa do Consumidor. Caso não haja número de alunos interessados para formação de turma, o valor correspondente à Taxa de Reserva será devolvido integralmente.

*Valores atualizados para 2023, sujeitos a correção por índices inflacionários para o período de 2024.

Coordenadores

Abrir informações do corpo docente
Ricardo Balistiero
Doutor em Administração pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e mestre em Economia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC). É professor e Coordenador do Curso de Administração do Centro Universitário do Instituto Mauá de Tecnologia (IMT) e atua em projetos com ênfase em cenários econômicos, inflação, crise, taxa de juros, setor público, negócios internacionais e funding de projetos de infraestrutura.
Abrir informações do corpo docente
Rodrigo Fernando Gallo
Cientista político. Possui graduação em Ciências Sociais, especialização em Gestão Pública pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo (USP), mestrado e doutorado em Ciências Humanas e Sociais pela Universidade Federal do ABC (UFABC). Atualmente, é pos-doutorando pela Universidade de São Paulo (USP). Experiência como professor em cursos de graduação de Administração, Ciências Econômicas e Relações Internacionais, e pós-graduação de Ciência Política e Relações Internacionais.

Módulos de cursos



Análise de Segurança Internacional
24h
Abrir mais informações da disciplina

A disciplina vai discutir o conceito de segurança internacional e aplica-lo à lógica dos negócios internacionais, de modo que o aluno seja habilitado a compreender o impacto dos eventos geopolíticos para a economia e para a política – elementos que, direta e indiretamente, afetam a rotina das empresas de múltiplos setores.

Gestão de Projetos Internacionais
24h
Abrir mais informações da disciplina

A ideia da disciplina é discutir o conceito de estratégia e aplicá-lo à perspectiva das empresas, que precisam utilizar ferramentas de planejamento para mensurar metas e atingir os objetivos no sistema global. Para tanto, a proposta é capacitar o aluno a realizar análises setoriais e de portfólio, como forma de conhecer melhor o possível mercado de atuação internacional e as limitações/oportunidades para o seu ramo de atividade. Diante disso, os estudantes serão capacitados para o desenvolvimento de uma agenda estratégica corporativa para atuação global.

Internacionalização de Empresas
24h
Abrir mais informações da disciplina

A disciplina estuda os impactos da globalização para o processo de internacionalização de empresas, analisando como a interdependência complexa entre os países afeta não apenas o comércio exterior, mas também o fluxo de investimentos estrangeiros e a atuação das empresas multinacionais que optam por abrir filiais e subsidiárias no cenário internacional. A disciplina vai capacitar os alunos a compreender as possibilidades e as limitações que afetam as empresas no que diz respeito à ação internacional, além de refletir sobre as estratégias de internacionalização.

Relações Institucionais e Governamentais
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é analisar as relações entre poder público e privado, de modo a permitir a compreensão dos mecanismos de defesa em nível doméstico, regional e internacional. Ademais, as aulas vão capacitar o aluno a refletir sobre como as estratégias de advocacy podem levar as empresas a afetarem o processo de formulação das políticas públicas – inclusive naquilo que diz respeito à política externa. A disciplina vai permitir que os estudantes tenham conhecimentos sobre ferramentas e técnicas de gestão de relações governamentais.

Risco Político e Análise de Conjuntura
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é discutir o conceito de risco e os impactos das variáveis políticas, tais como eleições e conflitos, para o processo de tomada de decisão – sobretudo porque a dinâmica do mundo político afeta atores não-estatais, tais como empresas multinacionais. Os alunos serão capacitados a realizar análises de conjuntura e compreender como gerenciar os riscos políticos inerentes à atuação internacional. Tal iniciativa é fundamental para a melhor compreensão do ambiente internacional, inclusive no que diz respeito à aplicação dos princípios da ESG.

Análise de Cenários Econômicos Globais
24h
Abrir mais informações da disciplina

O objetivo da disciplina é compreender a dinâmica da economia internacional contemporânea e a atual ordem econômica global, que apresenta condicionalidades que impactam na atuação internacional das empresas. A proposta é analisar, também, os impactos da integração econômica para os negócios internacionais. Os alunos serão capacitados a realizar análises de conjuntura econômica aplicadas ao cenário global.

Análise de Política Externa: o Brasil e o Mundo
24h
Abrir mais informações da disciplina

A ideia da disciplina é discutir o conceito de política externa e compreender, a partir da leitura histórica, o posicionamento do Brasil acerca da agenda global e seu processo de inserção internacional. Além disso, a disciplina vai capacitar o aluno na compreensão dos elementos de análise de política externa fundamentais para o entendimento do processo de tomada de decisões por parte do Ministério das Relações Exteriores – fundamental para determinar os interesses econômicos do país no exterior.

Direitos Humanos Corporativos e Responsabilidade Socioambiental
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é discutir os marcos internacionais de governança empresarial, como forma de compreender que as companhias privadas multinacionais estão associadas a boas práticas de responsabilidade social e ambiental corporativa – que, por sua vez, se relacionam com o debate de direitos humanos empresariais, formulado pelas Nações Unidas por meio do Pacto Global. Diante desta perspectiva, é essencial analisar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e o engajamento das empresas transnacionais, além da necessidade de analisar as políticas de inclusão e diversidade em cada país de atuação no cenário global. A disciplina vai capacitar os alunos a analisar como as empresas multinacionais podem se adequar a esses marcos internacionais para adotar boas práticas empresariais.

Organismos Internacionais, Blocos Regionais e Multilateralismo
24h
Abrir mais informações da disciplina

O objetivo da disciplina é discutir o sistema de gerenciamento do sistema multilateral contemporâneo e o impacto das organizações internacionais, tais como ONU, OMC e OMS, bem como de blocos regionais, como Mercosul e União Europeia, para a governança global, assim como seus desdobramentos para a gestão internacional de negócios.

Relações de Comércio Exterior
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é discutir os principais conceitos relacionados ao comércio internacional, como as perspectivas de regionalismo e multilateralismo comercial, além de analisar as medidas regulatórias do setor. Ademais, a ideia é capacitar os alunos a compreender os processos operacionais do comércio exterior, bem como as ferramentas de análise que permitem maximizar as oportunidades oferecidas pelo setor.

Gestão de Crise nos Negócios Internacionais
24h
Abrir mais informações da disciplina

A ideia da disciplina é capacitar os alunos na competência estratégia direcionada à gestão de cenários de crises, de modo a habilitá-los na macrogestão de negócios internacionais em ambientes complexos e sujeitos a processos de mudanças contínuas.

Inovação e Empreendedorismo na Gestão Internacional
24h
Abrir mais informações da disciplina

A disciplina vai discutir o conceito de empreendedorismo aplicado ao cenário internacional, bem como compreender os fundamentos da inovação no ambiente dos negócios globais – o que demanda entender que, em cada mercado de atuação, as oportunidades devem ser pensadas de acordo com as características locais. Os alunos vão aprender a relação entre inovação e criatividade e a pensar no papel da liderança no processo de gestão da inovação, principalmente no que diz respeito à identificação de oportunidades e à construção de uma cultura inovadora no ambiente de negócios internacionais.

Inteligência Competitiva
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é habilitar o aluno a compreender o conjunto de informações e as tendências de negócios com o intuito de desenvolver estratégias internacionais de análise dos competidores. O estudante vai aprender técnicas e métodos de inteligência competitiva, além de estudar aspectos da cultura organizacional essenciais para a construção de um ambiente adequado à gestão estratégica do conhecimento, de modo a compreender o cenário competitivo contemporâneo, os movimentos e as tendências do mercado internacional e as possibilidades e limitações das ferramentas de gestão global.

Multiculturalidade e Diversidade
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é compreender como a cultura é uma variável fundamental para o processo de internacionalização de uma empresa, uma vez que o contexto internacional é culturalmente diferente do cenário brasileiro. Diante disso, cabe ao profissional da área verificar o quanto a cultura impacta para a projeção internacional da companhia, inclusive no que diz respeito às práticas de responsabilidade social e ambiental, e para a construção de um cenário de governança. A cultura, por fim, impacta no modo como as organizações lidam com problemas locais, adequando as soluções às possibilidades e limitações impostas pelas culturas locais.

Técnicas de Negociação Internacional
24h
Abrir mais informações da disciplina

A proposta da disciplina é capacitar o aluno a desenvolver técnicas e habilidades de negociações aplicadas ao cenário internacional. Diante disso, é fundamental compreender que o sistema internacional apresenta tensões fundamentais nos processos de negociação, que incluem não apenas as questões inerentes ao próprio ambiente negocial em si, mas também as particularidades culturais dos distintos mercados de atuação de uma multinacional. Sendo assim, o negociador precisa compreender como a cultura e o comportamento impactam na gestão de negociação. A ideia é que os estudantes possam desenvolver soft skills aplicáveis aos cenários de negociações internacionais, inclusive no que diz respeito à promoção dos valores socioambientais das empresas e as responsabilidades sociais da companhia. 

Abrir informações do corpo docente
Ana Carolina de Araújo Marson

Graduada em Relações Internacionais e Ciências Econômicas pela FAAP. Mestrado e doutorado em Relações Internacionais pelo Instituto de Relações Internacionais da USP. Atua como assessora técnica de inteligência da área de investimento da São Paulo Negócios. Professora dos cursos da área de Gestão e Negócios da Universidade São Judas Tadeu e coordenadora do Grupo de Estudos de Gênero e Relações Internacionais (GendeRIs).

Abrir informações do corpo docente
Carlos Alberto Di Agustini

Doutor em engenharia de produção, mestre em administração e pós-graduado em finanças pela New York University (Stern) e University of California (UCLA). Foi CEO de empresa financeira da Volkswagen, executivo do Banco Itaú e da Caterpillar. É autor de diversos livros na área de finanças e mercado de capitais, professor do Instituto Mauá de Tecnologia e da FGV. Atua como membro de conselho de administração.

Abrir informações do corpo docente
Clarissa Nascimento Forner

Doutora em Relações Internacionais pelo Programa de Pós- Graduação em Relações Internacionais San Tiago Dantas (UNESP-UNICAMP-PUC-SP), com estágio de pesquisa na Georgetown University (Washington DC – Estados Unidos). Também atua como pesquisadora do Grupo de Estudos de Defesa e Segurança Internacional (GEDES), do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU), e do Grupo de Pesquisa em Política, Economia, Cultura e Relações Internacionais da Universidade São Judas Tadeu. É professora de Relações Internacionais na Universidade São Judas Tadeu.

Abrir informações do corpo docente
Lucedile Antunes

Apaixonada pela evolução das pessoas provocando transformações na forma de agir e pensar Lucedile Antunes é especialista no desenvolvimento de soft skills que são as competências comportamentais, mentora, palestrante e fundadora da L. Antunes Consultoria & Coaching. Coautora de diversos livros e artigos sobre desenvolvimento humano e organizacional, dentre eles Coaching Mude seu Mindset, Profissional de Alta Performance e Bussola da Gestão e idealizadora do livro “Soft Skills – Competências essenciais para os novos tempos”, publicado pela Literare Books Internacional e reconhecido um Best-Seller em 2020 pela Revista VEJA. Coach com credenciamento internacional pelo International Coach Federation (ICF) e interventora da Human Code na ferramenta de mapeamento humano. Professora de cursos de especialização no IMT e na FEI.

Abrir informações do corpo docente
Raquel Maria de Almeida Rocha

Doutora em Relações Internacionais pela USP e mestre em Estudos Internacionais pela Universidade de Birmingham (Reino Unido). Possui experiência de quinze anos atuando em pesquisa, ensino e gestão de projetos focados em processo decisório, defesa de interesses, análise política e risco político na relação público-privada. Iniciou a sua carreira no setor automotivo, lecionou na FAAP, PUC-SP e ESPM nos cursos de graduação de Relações Internacionais e Relações Públicas. Atuou como consultora em Relações Institucionais e Governamentais. Fez parte do quadro do Governo do Estado de São Paulo como Gerente de Relações Institucionais da InvestSP. Hoje, compõe o quadro da Prefeitura de São Paulo como Gerente de Investimentos da São Paulo Negócios, além de lecionar no MBA em Relações Governamentais da FGV.  É impulsionadora da ONG Elas no Poder e colaboradora do Grupo Advocacy Mulheres do Politizar - UFG.

Abrir informações do corpo docente
Reynaldo Dannecker Cunha

Doutor em Administração pela ESPM - Programa de Mestrado e Doutorado em Gestão Internacional, com pesquisa voltada à área de Marketing Internacional e à internacionalização de micro e pequenas empresas. Com ampla experiência nacional e internacional na área de Marketing e Negócios, como professor em disciplinas de marketing, estratégia e empreendedorismo de cursos de Graduação (Administração, Comunicação e Relações Internacionais) no Instituto Mauá de Tecnologia, na Escola Superior de Propaganda e Marketing e na Belas Artes; em cursos de pós-graduação e MBA (ESPM/SP - Global Marketing, International Business e Business Game; na Belas Artes - Internacionalização de Empresas e Empreendedorismo Internacional; e na Saint Paul - Estratégias Internacionais); e professor visitante na IÉSEG School of Management de Paris. Bacharel em Comunicação com ênfase em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing. Mestre em Gestão Internacional com ênfase em Marketing Internacional. Pós-Graduado em Administração com ênfase em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas-SP. Ampla experiência como executivo de Marketing & Vendas no Grupo Amil, OdontoPrev, Amil International e Consultor de empresas como Ultragaz, Cia. Müller de Bebidas e SEBRAE Nacional.

Abrir informações do corpo docente
Ricardo Balistiero

Doutor em Administração pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e mestre em Economia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC). É professor e Coordenador do Curso de Administração do Centro Universitário do Instituto Mauá de Tecnologia (IMT) e atua em projetos com ênfase em cenários econômicos, inflação, crise, taxa de juros, setor público, negócios internacionais e funding de projetos de infraestrutura.

Abrir informações do corpo docente
Rodrigo Fernando Gallo

Cientista político. Possui graduação em Ciências Sociais, especialização em Gestão Pública pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo (USP), mestrado e doutorado em Ciências Humanas e Sociais pela Universidade Federal do ABC (UFABC). Atualmente, é pos-doutorando pela Universidade de São Paulo (USP). Experiência como professor em cursos de graduação de Administração, Ciências Econômicas e Relações Internacionais, e pós-graduação de Ciência Política e Relações Internacionais.

Abrir informações do corpo docente
Tatiana de Souza Leite Garcia

Doutora em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade de São Paulo (USP), mestra em Geografia e Gestão do Território pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), especialista em Ecoturismo pela Universidade Federal de Lavras, graduada em Relações Internacionais e Geografia e diversos cursos de extensão relacionados a Sustentabilidade, Gestão Ambiental, Gestão de Projetos, Gestão Pública e Educação. Atualmente, trabalha como consultora do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e pesquisadora associada do Laboratório de Geografia Política da USP. Tem experiências profissionais nos setores público (transporte e logística), corporativo (indústria química, comércio exterior, agroindústria e comercial) e acadêmico (fundamental, médio, graduação e pós-graduação). No setor público, atuou como Assessora Técnica de Gabinete da Secretaria de Logística e Transportes do Governo do Estado de São Paulo, especialista em questões socioambientais. Nessa função elaborava relatórios gerenciais, por meio da compilação e análise de informações ambientais, sociais, econômicas e políticas; formulação dos indicadores de desempenho da SLT para Agenda 2030 estadual; representava a SLT no CONSEMA e outras instâncias públicas; apoiava a comissão ambiental da SLT composta por representantes do DER, DERSA, DAESP, DH e Docas São Sebastião; e assessorava nos processos de licenciamento ambiental das obras de infraestrutura viária. No setor corporativo, desempenhou atividades com resultados positivos em projetos de responsabilidade social e ambiental, relações com a comunidade, parcerias público-privadas, endomarketing, certificações internacionais (ISO 14001), relatórios de sustentabilidade, Balanço Social, Pacto Global. No setor acadêmico há 15 anos, atuo como professora em diversos cursos de graduação e pós-graduação. Trabalhei como coordenadora da graduação e supervisora dos núcleos de pesquisa, estágio e extensão da graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior da Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP). Pesquiso a partir de abordagens das Relações Internacionais e da Geografia Política/Geopolítica a respeito de temas socioambientais, sustentabilidade, governança territorial, integração regional, transportes, fronteiras, educação, turismo e projeção internacional do Brasil.