Duração
Diurno: 5 anos
Mensalidade
Diurno: R$ 3.537,00
Horário
26 horas/semana distribuídas de 2ª. a 6ª feira.
Diurno: 07:40 às 18:30 e sábados entre 07:40 às 13:00*
Bolsa
Saiba mais
Agende uma visita
Conheça
*Pode haver oferta de atividades optativas ou de dependência fora dos horários apresentados. Ato de Renovação de Reconhecimento de Curso: Portaria SERES nº 109 de 04.02.2021 – DOU de 05.02.2021

Engenharia Química

Campus: São Caetano do Sul

A Engenharia Química é responsável pelo processamento de matérias‑primas para a geração de produtos que contribuam para o desenvolvimento e bem‑estar da sociedade. 

O Engenheiro Químico projeta processos industriais e as estratégias de otimização e controle das suas condições de operação. Também atua no gerenciamento desses processos, para que trabalhem com elevada produtividade, de forma segura e sustentável, em conformidade com as legislações ambientais. 

Entre as atividades do Engenheiro Químico, destaca-se o desenvolvimento de novos processos, produtos e serviços, com sua decisiva contribuição na produção de produtos de higiene e limpeza, cosméticos, tintas e revestimentos, combustíveis, lubrificantes, plásticos e polímeros, vidros, materiais cerâmicos, biotecnológicos e nanotecnologia.

O egresso do curso caracteriza-se por ser um profissional com uma formação crítica, ética, avaliativa e com uma forte competência para identificação e solução de problemas de engenharia, além de apresentar um perfil humanista e gerencial. 

Essas competências são trabalhadas num curso com uma grande variedade de atividades fundamentais e práticas, com laboratórios modernos num campus que oferece todas as condições para que o aluno vivencie e desenvolva suas habilidades de engenheiro, sempre levando em consideração seu aperfeiçoamento como ser humano.

INSCREVA-SE NO VESTIBULAR 2023

O Instituto Mauá de Tecnologia capacita o profissional da Engenharia Química para exercer as seguintes competências de mercado:

  1. Aplicar conhecimentos matemáticos, científicos, tecnológicos e instrumentais à Engenharia;
  2. Projetar e conduzir experimentos e interpretar resultados;
  3. Conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;
  4. Planejar, supervisionar, elaborar e coordenar projetos e serviços de Engenharia;
  5. Identificar, formular e resolver problemas de Engenharia;
  6. Desenvolver e/ou utilizar novas ferramentas e técnicas;
  7. Supervisionar a operação e a manutenção de sistemas;
  8. Avaliar criticamente a operação e a manutenção de sistemas;
  9. Comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica;
  10. Atuar em equipes multidisciplinares;
  11. Compreender e aplicar a ética e responsabilidade profissionais;
  12. Avaliar o impacto das atividades da Engenharia no contexto social e ambiental;
  13. Avaliar a viabilidade econômica de projetos de Engenharia;
  14. Assumir a postura de permanente busca de atualização profissional.

A Mauá busca fundamentar os conhecimentos tecnológico e de Engenharia sobre um sólido conhecimento científico para preparar um profissional capaz de acompanhar o desenvolvimento tecnológico nas seguintes premissas:

  1. Ensino-aprendizagem como processo continuado ? deve ser dada ênfase em ensinar a aprender. Tanto o aluno quanto o profissional já formado devem estar abertos a novas ciências, novos métodos, novos conceitos e também entender que o processo de aprendizagem ocorre durante toda a vida;
  2. Criatividade e experimentação ? o currículo de Engenharia Química deve proporcionar a possibilidade de aprendizado incidental, incentivando, também, a escolha de métodos; a autonomia, a inovação e a experimentação;
  3. Estrutura curricular flexível com disciplinas eletivas ? para ser possível acompanhar mudanças e tendências tecnológicas;
  4. Adoção do conceito de que o docente é, fundamentalmente, docente do curso e não da disciplina. Com isso, estimula-se a atuação de docentes em áreas que se intercomuniquem, para permitir que tenham visões múltiplas do processo de formação, favorecendo a visão global do ensino.

Além da especialização, a Mauá pretende capacitar o engenheiro químico a:

  1. Desenvolver processos e produtos químicos e bioquímicos industriais;
  2. Saber tratar com os aspectos legislatórios, éticos, ambientais, perigos e riscos envolvidos na fabricação, transporte e distribuição, armazenamento, uso e disposição final de produtos químicos e alimentícios;
  3. Garantir a qualidade especificada para produtos e processos;
  4. Gerir o ambiente industrial.

A Mauá foge do básico e visa ampliar a capacitação do seu profissional para formações críticas e criativas na sua área de atuação. Como engenheiro químico, o Instituto Mauá pretende gerar:

  1. uma cultura científica suficientemente ampla que lhe permita dominar uma especialização de seu interesse e lhe confira aptidão de aplicar as novas conquistas científicas ao aperfeiçoamento das técnicas e do progresso industrial;
  2. uma sólida formação técnica lastreada na prática de trabalhos experimentais e sua interpretação;
  3. uma cultura geral que lhe permita não só desenvolver o espírito de análise, mas também uma mentalidade de síntese, com abertura de amplas perspectivas sobre os problemas da gestão administrativa e de relações humanas;
  4. uma visão das consequências sociais de seu futuro trabalho como engenheiro e prepará-lo para a solução dos problemas de natureza social delas decorrente;
  5. uma formação alicerçada numa estrutura de conhecimentos que lhe proporcione uma rápida adaptação às situações de demanda e constantemente ávida por novas realizações de interesse social e humano.

Resulta daí que o engenheiro mauaense é um profissional altamente qualificado para aliar ao espírito de concepção e de pesquisa - e do gosto pela experiência - o senso de realizações concretas que devem atender às necessidades e ao bem estar do homem durante toda sua carreira.


O Ciclo Básico da Escola de Engenharia Mauá reúne as disciplinas de ciências básicas do curso de Engenharia. Estas disciplinas visam proporcionar uma base sólida de conhecimentos indispensáveis à formação profissional do futuro Engenheiro.

Coordenador: Prof. Héctor Alexandre Chaves Gil


Disciplinas

matriz curricular - verão

Cálculo Diferencial e Integral I

Saiba mais

Vetores, Curvas e Superfícies

Saiba mais

Física I

Saiba mais

Desenho

Saiba mais

Algoritmos e Programação

Saiba mais

Química Geral

Saiba mais

Fundamentos de Engenharia

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais I

Saiba mais

Matemática Computacional

Saiba mais

Cálculo Diferencial e Integral II

Saiba mais

Mecânica Geral

Saiba mais

Física II

Saiba mais

Estatística

Saiba mais

Fundamentos de Eng de Processos e Termodinâmica

Saiba mais

Química Aplicada I

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais II

Saiba mais

Termodinâmica para Engenharia Química

Saiba mais

Química Aplicada II

Saiba mais

Engenharia das Reações Químicas

Saiba mais

Laboratório de Engenharia Química I

Saiba mais

Fenômenos de Transporte

Saiba mais

Eletricidade

Saiba mais

Resistência dos Materiais

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais III

Saiba mais

Empreendedorismo e Gestão

Saiba mais

Operações Unitárias da Indústria Química I

Saiba mais

Operações Unitárias da Industria Química II

Saiba mais

Engenharia dos Processos Biotecnológicos

Saiba mais

Laboratório de Engenharia Química II

Saiba mais

Materiais para Engenharia Química

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais IV

Saiba mais

Higiene e Segurança do Trabalho

Saiba mais

Economia

Saiba mais

Direito Empresarial

Saiba mais

Disciplinas Eletivas

Saiba mais

Instrumentação, Simulação e Controle de Processos

Saiba mais

Eng. de Processos Aplic. ao Tratamento de Resíduos

Saiba mais

Estágio Supervisionado Obrigatório

Saiba mais

Gestão de Processos Industriais

Saiba mais

Projetos Industriais

Saiba mais

Trabalho de Conclusão de Curso

Saiba mais

Língua Brasileira de Sinais - Básico

Saiba mais

Lingua Brasileira de Sinais - Avançado

Saiba mais

Ciência e Tecnologia de Polímeros

Saiba mais

Desenvolvimento de Cosméticos

Saiba mais

Petróleo e Petroquímica

Saiba mais

Planejamento Experiment. e Otimização de Processos

Saiba mais

Tecnologia de Bebidas e Alimentos Fermentados

Saiba mais

Energias Alternativas e Sustentabilidade

Saiba mais

Distribuição, Regulação e Qualidade da Energia

Saiba mais

Mercado de Energia

Saiba mais

Cogeração de Energ nos Set Industrial e Comercial

Saiba mais

Energias Convenc e Alternativas: Conv e Eficiência

Saiba mais

Smart Grid - Redes Inteligentes

Saiba mais

Cool Hunting

Saiba mais

Técnicas de Apresentação Digital

Saiba mais

Design Thinking

Saiba mais

Design Estratégico

Saiba mais

Branding

Saiba mais

Metodologias Ágeis

Saiba mais

Gestão de Pessoas

Saiba mais

Operações

Saiba mais

Finanças I

Saiba mais

Finanças II

Saiba mais

Marketing I

Saiba mais

Marketing II

Saiba mais

Análise de Dados

Saiba mais

Aprendizado de Máquina

Saiba mais

Introdução à Ciência de Dados

Saiba mais

Negócios e Decisões

Saiba mais

Introdução Big Data

Saiba mais

Projetos em Ciência de Dados

Saiba mais

Cálculo Diferencial e Integral I

Saiba mais

Vetores, Curvas e Superfícies

Saiba mais

Física I

Saiba mais

Desenho

Saiba mais

Algoritmos e Programação

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais I

Saiba mais

Matemática Computacional

Saiba mais

Cálculo Diferencial e Integral II

Saiba mais

Mecânica Geral

Saiba mais

Física II

Saiba mais

Química Geral

Saiba mais

Fundamentos de Engenharia

Saiba mais

Estatística

Saiba mais

Fundamentos de Eng de Processos e Termodinâmica

Saiba mais

Química Aplicada I

Saiba mais

Projetos e Atividades Especiais II

Saiba mais

Coordenador do curso

Luciano Gonçalves Ribeiro

Mais informações

Projetos e Atividades Especiais

São atividades eletivas que contribuem para a sólida formação do estudante. Eles estimulam a realização de estudos independentes, transversais e interdisciplinares, de forma a promover o desenvolvimento de habilidades e competências relacionadas à profissão, bem como a essencial skills.

Infraestrutura

Acontece na Mauá

Notícias