...
Início
Março de 2023
Horário

Sábados Das 8h30 às 17h

Materiais e Aplicações

Objetivo

Estuda as mais importantes características dos principais materiais utilizados na fabricação de embalagens e suas aplicações nos projetos desenvolvidos pelas indústrias fabricantes de bens de consumo para atender aos anseios dos consumidores e minimizar impactos ambientais.

Público-alvo

Profissionais graduados interessados na especialização técnica para atuar nas empresas fabricantes e usuárias de embalagens e nas prestadoras de serviços para o setor.

Carga Horária

120

Matrícula

Os valores correspondentes aos descontos por períodos serão concedidos de acordo com a data de pagamento da taxa de Reserva

Até 31 de outubro R$ 1.340,00
Até 30 de novembro R$ 1.460,00
Até 30 de dezembro R$ 1.675,00

Veja opção de financiamento
por módulo

Descontos

Ex-aluno graduado na Mauá: 10%
Grupos (2 ou mais alunos): 10%
Associados da AEXAM (ex-alunos): 15%
Ex-aluno graduado na Mauá em 2021: 30%
Empresas conveniadas (a consultar)

Investimento

Matricula + 5 parcelas de R$ 1.675,00*
Condições especiais para ex-alunos, grupos e empresas conveniadas

*Investimento por módulo (120 horas)

Taxa de Reserva: R$ 300,00

O pagamento poderá ser efetuado por meio de boleto, cartão de débito ou crédito. Na efetivação da matrícula essa Taxa de Reserva será deduzida do valor da matricula. Em caso de desistência da matrícula o valor da taxa de reserva não será devolvido e a retenção se faz necessária para pagamento das despesas administrativas relativas ao processo seletivo, conforme preconizado no Código de Defesa do Consumidor. Caso não haja número de alunos interessados para formação de turma, o valor correspondente à Taxa de Reserva será devolvido integralmente.

*Valores atualizados para 2022, sujeitos a correção por índices inflacionários para o período de 2023.

Coordenador

Abrir informações do corpo docente
Antonio Carlos Dantas Cabral
Doutor em Engenharia de Produção pela USP. Mestre em Food Science - RUTGERS - The State University of New Jersey. MBA em Marketing pela FGV. Engenheiro de Alimentos pela Unicamp. Experiência como gestor de desenvolvimento de sistemas de embalagem em grandes empresas de bens de consumo: Refinações de Milho Brasil, Bunge e Unilever. Participação ativa na criação do Centro de Tecnologia de Embalagem (CETEA) do ITAL, em Campinas. Na Mauá, desde 1989, foi professor e coordenador do curso de Engenharia de Produção e atualmente é coordenador e professor de cursos de Pós-graduação em Indústria 4.0 e Engenharia de Embalagem.

Disciplinas



Embalagem para Alimentos
16h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os fatores de deterioração dos principais tipos de alimentos como base para o projeto do Sistema Embalagem. Apresentar métodos para estimar a vida-de-prateleira a partir do conhecimento dos parâmetros críticos de conservação de alimentos. Apresentar critérios de seleção de embalagens para proteção dos alimentos nas diferentes cadeias produtivas. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Embalagem para Cosméticos
12h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os fatores de deterioração dos principais tipos de cosméticos como base para o projeto do Sistema Embalagem. Apresentar métodos para estimar a vida-de-prateleira a partir do conhecimento dos parâmetros críticos de conservação de cosméticos. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Embalagem para Produtos de Limpeza Doméstica - Home Care
8h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os fatores de deterioração dos principais tipos de produtos para limpeza doméstica como base para o projeto do Sistema Embalagem. Apresentar métodos para estimar a vida-de-prateleira a partir do conhecimento dos parâmetros críticos de conservação. Apresentar critérios de seleção de embalagens para proteção dos produtos nas diferentes cadeias produtivas. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências.

Embalagem para Produtos Farmacêuticos
12h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os fatores de deterioração dos principais tipos de fármacos como base para o projeto do Sistema Embalagem. Estudar os procedimentos regulatórios para seleção de materiais de embalagem para fármacos. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Materiais Celulósicos
16h
Abrir mais informações da disciplina

Apresentar a estrutura e as principais propriedades físicas, químicas e reológicas de polímeros e suas aplicações em embalagens. Estudar os processos de transformação e impressão de termoplásticos. Identificar e analisar criteriosamente os impactos ambientais das embalagens poliméricas em todo o seu ciclo de vida. Analisar criticamente novos materiais e novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Materiais Metálicos
16h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os tipos, processos de fabricação, principais propriedades e aplicações do aço e do alumínio em embalagens. Enfatizar a importância dos vernizes para proteção interna e externa das embalagens. Identificar e analisar criteriosamente os impactos ambientais das embalagens poliméricas em todo o seu ciclo de vida. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Polímeros
24h
Abrir mais informações da disciplina

Apresentar a estrutura e as principais propriedades físicas, químicas e reológicas de polímeros e suas aplicações em embalagens. Estudar os processos de transformação e impressão de termoplásticos. Identificar e analisar criteriosamente os impactos ambientais das embalagens poliméricas em todo o seu ciclo de vida. Analisar criticamente novos materiais e novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Vidros
16h
Abrir mais informações da disciplina

Estudar os tipos, processos de fabricação, principais propriedades e aplicações do vidro em embalagens. Identificar e analisar criteriosamente os impactos ambientais das embalagens poliméricas em todo o seu ciclo de vida. Analisar criticamente novas tecnologias e tendências. Estudar casos práticos.

Abrir informações do corpo docente
Antonio Carlos Dantas Cabral

Doutor em Engenharia de Produção pela USP. Mestre em Food Science - RUTGERS - The State University of New Jersey. MBA em Marketing pela FGV. Engenheiro de Alimentos pela Unicamp. Experiência como gestor de desenvolvimento de sistemas de embalagem em grandes empresas de bens de consumo: Refinações de Milho Brasil, Bunge e Unilever. Participação ativa na criação do Centro de Tecnologia de Embalagem (CETEA) do ITAL, em Campinas. Na Mauá, desde 1989, foi professor e coordenador do curso de Engenharia de Produção e atualmente é coordenador e professor de cursos de Pós-graduação em Indústria 4.0 e Engenharia de Embalagem.

Abrir informações do corpo docente
Edison Toporcov

Engenheiro Mecânico, Foi Diretor Industrial Wheaton Brasil Vidros, Experiência em indústria vidreira. Atua como Consultor Técnico.

Abrir informações do corpo docente
Elcio de Sousa

Graduado pela Universidade de Florianópolis e pela Universidade de Guarulhos. Experiência como Supervisor na área de Embalagens. Diretor na Escola SENAI.

Abrir informações do corpo docente
Juarez Castro

Engenheiro Elétrico pela Universidade de Rio Preto, mestre em Administração pelo Insper, com MBA em Gestão Empresarial e em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios pela FGV, é Diretor Industrial da CMP – Companhia Metalgraphica Paulista. Tem mais de trinta anos de carreira dedicados ao setor de embalagens de aço tais como: Rheem Empreendimentos, Indústria de Máquinas Kramer, Metalgráfica Iguaçu, JBS e está a 15 anos na CMP – Companhia Metalgraphica Paulista.

Abrir informações do corpo docente
Julio Cesar Legramanti Neves

Graduado em Desenho Industrial pela Universidade Santa Cecilia. Pós-graduado em Administração Industrial pela USP. Consultor em Inovação e em Desenvolvimento de Embalagem. Professor do SENAI.

Abrir informações do corpo docente
Luis Fernando Dagnoni Cassinelli

Graduado em Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de São Carlos. É conselheiro em Exercício da Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Conselho Superior de Inovação e Competitividade – Fiesp (Conic). Na FAPESP, é Coordenação de Área - Pesquisa para Inovação PPP 1.

Abrir informações do corpo docente
Paulo Eduardo do Rio Vieira Pereira

Graduado em Engenharia Civil pela FAAP, Pós-graduado em Administração de Empresas pela FAAP. Sócio Diretor e Executivo de Novos Negócios da Prodesign - Agência de Design de Embalagem.