edição 83 - Julho de 2017

Mauá inspira-se nas tendências internacionais e vanguardistas do mundo para aprimorar infraestrutura

Laboratório do Bloco B inicia funcionamento e uma nova parceria com a Pirelli foi firmada

O laboratório do Bloco B já está em uso pelo curso de Eng. Mecânica e, em breve, também estará disponível para os cursos de Eng. de Controle e Automação, Eletrônica, Produção, Computação, Civil, Administração e Design.

Promover mudanças que aprimorem constantemente a metodologia de ensino em prol do melhor projeto de educação superior. Essa é uma das principais premissas do Instituto Mauá de Tecnologia e que a cada ano vem aperfeiçoando-se mais com novos investimentos e iniciativas.

Um importante passo nesse sentido foi o início do funcionamento do laboratório do Bloco B, que há cerca de três semanas está em uso pelo curso de Engenharia Mecânica e em breve será estendido para os cursos de Eng. de Controle e Automação, Eletrônica, Produção, Computação, Civil, Administração e Design.

"Seguindo a característica multidisciplinar de ensino da Mauá, preparamos os laboratórios para serem compartilhados e atenderem as necessidades de todos os cursos", explica José Roberto Augusto de Campos, engenheiro da Mauá e diretor do Centro de Pesquisas, que atuou com a Reitoria do Centro Universitário na concepção das obras.

De acordo com José Carlos de Souza Jr, reitor do Centro Universitário, todo o conceito do laboratório foi reformulado. "Nesse novo projeto, priorizamos a construção de ambientes abertos, praticamente sem paredes. Incentivamos que os projetos e as atividades propostas sejam desenvolvidos com alunos de cursos e séries diferentes, de modo que equipes multidisciplinares e de características variadas se complementem na consecução de suas tarefas e a troca de experiências seja mais enriquecedora", afirma.

Parcerias

A Pirelli é parceira da Mauá na otimização da estrutura do Bloco B.

Outra novidade é o convênio firmado com a Pirelli. A empresa necessitava replicar seu treinamento de manufatura enxuta, até então aplicado na Itália, e passou a utilizar os equipamentos e a estrutura da Mauá, nos horários em que não há aulas. Em contrapartida, a Pirelli patrocinou parte do laboratório, ajudando a Mauá a otimizar a estrutura para também realizar esse treinamento.

Outra recente novidade é a utilização do laboratório do Bloco B por alunos de colégios de segundo grau, contando com a mentoria de professores da Mauá e profissionais de mercado. "Criamos um ambiente em que circulam públicos distintos e fundamentais para o processo de aprendizado, o que acaba ampliando cada vez mais a possibilidade de conhecimento. A integração do Centro de Pesquisas com o Centro Universitário vem-se tornando um importante diferencial para a Mauá", reforça José Roberto.

Acompanhe a Mauá nas Redes Sociais
Instituto Mauá de Tecnologia - Todos os direitos reservados 2022 ©