Indústria Digital - PLM, Manufatura Digital & Gestão Industrial 4.0

Objetivo

O curso de Pós-graduação em Indústria Digital tem abrangência técnico-científica e é dirigido para as indústrias de controle discreto, de bateladas e de controle contínuo. O curso foi criado para atender os processos de 'digitalização 4.0' das áreas de engenharia, produção e gestão da empresa industrial. Coloca em evidência a 'Transformação Digital da Indústria' para integrar tecnologia digital a todos os aspectos da organização e acrescenta habilidades para gerenciar processos e pessoas que compõem a organização industrial digital. Tem foco nos processos e modelos de negócios, na nova arquitetura digital da indústria, nos sistemas de informação (PLM, Manufatura Digital, MES/PIMS, APS, ERP), tecnologias emergentes e expansão das atividades humanas para explorar os benefícios da digitalização na indústria, o paradigma da Indústria 4.0 e a jornada para que as empresas industriais transformem sua cadeia de valor na Quarta Revolução Industrial (4IR - 4th Industrial Revolution).

São três módulos de 120 horas cada: PLM & Engenharia 4.0 (120 h), Manufatura Digital & Produção 4.0 (120 h) e Gestão Industrial 4.0 - ERP & Digital Enterprise (120 h).

No curso de pós-graduação em Industria Digital serão discutidas e analisadas as arquiteturas e aplicações dos principais players e sistemas de mercado: Dassault Systèmes, Siemens Digital industries, PTC, Autodesk, SAP, Oracle, Procad, entre outros. O aluno será favorecido com um ‘modelo mental’ para avaliar a infraestrutura de TI e de automação, a lógica de processos e a arquitetura de sistemas de informação, para sustentar a aplicação de diversos frameworks e modelos inteligentes de manufatura. Existe um encadeamento de procedimentos de estudo, de pesquisa e de avaliações para assegurar as expectativas da carreira profissional do aluno. O objetivo é que o aluno possa garantir produtividade e lucros reais na Quarta Revolução Industrial (4IR), ou Indústria 4.0, onde as novas plataformas digitais e a transformação da cadeia de valor têm extrema importância nos cenários de colaboração e integração digital.


Público-alvo

C-level, alta gerência, diretores, gestores, consultores, integradores e profissionais das áreas de engenharia de produtos, NPI, requisitos e especificações, engenharia de processos, engenharia avançada, programas e portfólio, engenharia de manufatura, produção, lean manufacturing, qualidade, PCP e custos, gestão de operações, supply chain, compras, logística, usuários de PLM, ERP, MES, IoT, I4.0, profissionais de TI e TA, meio acadêmico e científico, pesquisa e inovação, entre outros.

Mais Informações

Início do Curso
Março de 2020
Dias de aula
Módulo: PLM & Engenharia 4.0 - Terças e quintas-feiras das 19h às 22h30

Investimento por módulo - Valores já atualizados para o ano de 2020
Matrícula
Os valores correspondentes aos descontos por períodos serão concedidos de acordo com a data de pagamento da taxa de Reserva
Mensalidades
5 parcelas de R$ 1.580,00

Até 18 de outubro R$ 1.280,00
Até 20 de dezembro R$ 1.380,00
Após 20 de dezembro R$ 1.580,00

DESCONTOS

Ex-aluno: 10%
Grupos (2 ou mais alunos): 10%
Associados da AEXAM (ex-alunos): 15%
Ex-aluno graduado na Mauá em 2019: 30%
Empresas conveniadas (a consultar)

Veja opção de financiamento
por módulo
Taxa de Reserva: R$280,00

O pagamento poderá ser efetuado por meio de boleto, cartão de débito ou crédito.
Na efetivação da matrícula essa Taxa de Reserva será deduzida do valor da matricula. Em caso de desistência da matrícula o valor da taxa de reserva não será devolvido e a retenção se faz necessária para pagamento das despesas administrativas relativas ao processo seletivo, conforme preconizado no Código de Defesa do Consumidor. Caso não haja número de alunos interessados para formação de turma, o valor correspondente a Taxa de Reserva será devolvido integralmente.

Coordenação

Evandro Gama

Engenheiro de Produção Mecânica, P&D Head e Advisor para a Cadware-Technology. Promove educação e assessoria em soluções CAD Cloud-based, Projeto de Produto e Fábrica, PLM, ERP, MES, Fábrica Digital e Simulação. Especialista em arquitetura de sistemas PLM (Teamcenter, Enovia, Windchill, SAP PLM, Oracle PLM, Autodesk PLM, Pro.File e outros). Mestre em Engenharia de Produção, Planejamento e Controle de Sistemas Produtivos pela UFSCar. Doutor em Engenharia Mecânica, na linha de pesquisa Planejamento, Simulação e Gerenciamento de Sistemas de Manufatura pela EESC/USP. Professor Especialista no IMT - Instituto Mauá de Tecnologia.

Módulos do curso

Gestão Industrial 4.0 - ERP & Digital Enterprise

Aplicações 4.0, Tecnologias Emergentes e Integração PLM, MES e ERP

24 h

A disciplina tem como objetivo apresentar os fundamentos básicos, conceitos e práticas das aplicações 4.0 e tecnologias emergentes. Os alunos estarão capacitados a entender as principais aplicações e avanços tecnológicos da Indústria 4.0 como CPS (Cyber-Physical Systems), robôs autônomos, sensing rental devices, integração de sistemas (CRM, PLM, MES/MOM, PIMS, LIMS, SCM/SRM, ERP), gestão de ativos, sistemas logísticos, IoT/IIoT/IoE, mobilidade, cloud computing, manufatura aditiva (impressão 3D), digital twin e simulação, realidade aumentada, big data e analytics advanced. Serão expostas aplicações para variados ambientes de negócios e serviços, P&D, educação e economia digital.

ERP e Organização Industrial 4.0

24 h

A disciplina traz os conceitos e objetivos da Indústria 4.0 (Quarta Revolução Industrial) e da Transformação Digital com base no modelo de necessidade de mudanças. Explora o modelo de objetivos, modelos e regras de processos de negócio, principais frameworks e roadmaps para que as organizações e profissionais possam entender o caminho e as vantagens da Organização 4.0. Nesta disciplina o aluno estará apto a entender desde as principais plataformas digitais de gestão (ERP) até a importância dos níveis hierárquicos e a visão por processos de negócio para atender a modelagem organizacional digital. Serão tratados temas como objetivos organizacionais, atores e recursos, regras de negócio e a captura de requisitos para a aplicação de sistemas de informação e tecnologias 4.0 que garantam a customização em massa de produtos e serviços, a flexibilidade nas diversas cadeias de valor, a agilidade organizacional e a importância do cliente na organização digital.

Gerenciamento de Projetos Industriais 4.0 - Métodos ágeis & Projetos globais

24 h

Planejar um projeto de transformação digital exige considerar todos os recursos necessários, tarefas e fluxos de trabalho adequados dentro de um ambiente de gestão de mudanças. Para isso deve existir um projeto colaborativo dos novos sistemas, dispositivos, coisas e pessoas que suportem essas mudanças com estratégias, prazos e custos definidos. Esta disciplina explora as atuais ferramentas para gerenciamento de projetos na Quarta Revolução Industrial (4IR ou Indústria 4.0), leva em consideração as premissas do PMI e capacita os alunos com as competências necessárias para gerenciar projetos de transformação digital. São explorados cenários de gerenciamento de projetos técnicos, liderança e aspectos comportamentais, gerenciamento estratégico e de negócios no contexto de projetos, programas e portfólios para suportar os atuais SLAs (Service Level Agreement) exigidos na Transformação Digital das indústrias.

Infraestrutura 4.0 & Plataformas Digitais

12 h

Nesta disciplina são desenvolvidos conhecimentos da atual infraestrutura 4.0 de TI, plataformas digitais (IaaS, PaaS e SaaS), virtualização de servidores, aplicações desktop e mobility, IoT, inteligência artificial, machine learning, linguagens de programação na Indústria Digital, APIs, a transformação na modelagem de dados e análises avançadas (Big Data Analytics), evolução XML, REST, JSON (JavaScript Object Notation), OData (Open Data Protocol), para integração de sistemas, interoperabilidade de dados e informações e infraestrutura de Data Centers, sistemas de segurança cibernética (Cybersecurity), entre outros. O foco da disciplina está no tratamento da informação digital e visão de sistemas de informação para atender os novos modelos de negócios orientados a serviço, o desenvolvimento de novos produtos e serviços para a economia digital 4.0 e a melhoria contínua de desempenho operacional.

Projetos de Transformação Digital 4.0

36 h

A adoção das aplicações digitais na Quarta Revolução Industrial necessita de um roadmap (roteiro) bem estruturado e bem-sucedido. Esta disciplina tem o objetivo de mostrar quanto uma organização está madura para absorver e manter as aplicações 4.0, com base nos modelos Smart Manufacturing, ACATECH e outros, e até que ponto um processo específico está definido, gerenciado, mensurado, controlado e é efetivo para o processo de melhoria corporativa e inteligência competitiva. Vários assuntos compõe a disciplina no contexto das dimensões de mudanças: tecnologias emergentes e recursos 4.0, tecnologia da informação e comunicação, modelos de gestão 4.0, estratégias de processos de negócio e modelo da necessidade de mudanças, colaboração na empresa digital estendida e aspectos de transformação digital. Serão desenvolvidos projetos de transformação com conhecimentos de digitalização e otimização de fluxos de trabalho e processos de negócio (BPM/BPMN), soluções de inovação com Design Thinking, metodologias de assessment (diagnóstico) para melhoria de processos (as-is-to-be), modelos de referência, métodos ágeis (SCRUM), análise da cadeia de valor, ampliação da visão TIC para a Indústria 4.0, entre outros.

Manufatura Digital & Produção 4.0

Conceitos de Virtualização & Manufatura Digital

24 h

A disciplina traz os conceitos de virtualização e manufatura digital, infraestrutura necessária, respectivos processos e aplicações, para responder às oportunidades oferecidas pela Transformação Digital do chão de fábrica. Os novos recursos de IoT, inteligência artificial, realidade aumentada, automação e robótica, tecnologia aditiva e interação homem-máquina refletem na explosão de dados e na transformação da cadeia de valor. O novo cenário de conectividade exige novas formas de tratar as informações em todas as fases do ciclo de vida do produto, entre ambientes físicos e ambientes virtuais de testes e simulações, nas operações de projeto e fábrica, na cadeia de suprimentos, na gestão de ativos, nas operações de marketing, vendas e serviços e na experiência do usuário.

Gerenciamento Digital do Chão de Fábrica

24 h

A disciplina tem como objetivo apresentar os fundamentos básicos do Gerenciamento Digital do Chão de Fábrica, sua abordagem, a hierarquia de camadas PLM, ERP/PCP, MES, sistemas supervisórios e coletores de dados, processos e tecnologias envolvidos. O foco está principalmente no gerenciamento da produção em tempo real, padronizações e normas (ANSI/S-95 E ANSI/S-88) e na colaboração entre os sistemas MES/PIMS e os sistemas de Manufatura Digital. Abrange temas como: ExOp (Excelência Operacional), MPM (Manufacturing Process Management), PLM no chão de fábrica, monitoramento e controle de ordens de produção, problemas característicos de fluxos de produção, manutenção, qualidade e inventário, automação e supervisão da produção no chão de fábrica, repositórios de dados (as-built), IoT e I4.0.

Modelagem Digital para Manufatura (WCM)

36 h

A adoção das aplicações de Manufatura Digital e do gêmeo digital (Digital Twin) necessita de um planejamento bem estruturado e bem-sucedido. Esta disciplina tem o objetivo de mostrar quanto uma organização está madura para absorver e manter as aplicações de Manufatura Digital e até que ponto um processo específico está definido, gerenciado, mensurado, controlado e é efetivo para o processo de melhoria corporativa e inteligência competitiva. Vários assuntos compõe a disciplina: Manufatura de Classe Mundial, PLM e Manufatura Digital nos processos de negócio, digitalização e otimização de fluxos de trabalho de manufatura, diagnóstico para melhoria de processos (as-is-to-be), modelos de referência, métodos ágeis, análise da cadeia de valor, ampliação da visão Lean Manufacturing, integração PLM, MES/PIMS, ERP, entre outros.

Planejamento Digital da Produção

24 h

Planejar a produção significa controlar o processo de fabricação e recursos necessários. Para isso deve existir um projeto colaborativo do sistema de produção que suporte mudanças. Esta disciplina explora as atuais ferramentas digitais de geometria e análise para tratar as informações de produtos, processos, fábrica e recursos, que garantam o projeto de produção. São explorados cenários de controle discreto, batelada e de processos que incluem layouts industriais, virtualização 2D/3D, instruções de trabalho, ajuste da capacidade de produção, exigências de qualidade, eliminação de desperdícios e redução de custos. A disciplina aborda ferramentas de Manufatura Digital, programação avançada da produção (APS), suporte a sistemas PLM, sistemas MES, ERP, PCP e outros. Tudo para adequar, de forma rápida e melhor possível, o desempenho dos processos de produção às solicitações de demanda.

Projetos de Manufatura Digital: Fábrica Digital e Simulação

12 h

Nesta disciplina são desenvolvidos conhecimentos e projetos para sistemas de manufatura digital, fábrica digital e simulação, engenharia integrada ‘end-to-end’ e sistemas de automação 4.0. Os projetos focam modernos centros digitais de serviços e abrangem temas como: flexibilidade, mobilidade, redução e portabilidade de espaço físico, aumento da taxa de produção, análise de processos e fluxos, desempenho em tempo real, características de falhas e controle de qualidade, melhoria contínua, redução de custos, menores 'time-to-market' e ampla combinação de variantes. A disciplina Projetos de Manufatura Digital está integrada com a disciplina Modelagem Digital para Manufatura (WCM).

PLM & Engenharia 4.0

PLM Assessment e Estratégias de Implementação

36 h

A adoção da abordagem PLM necessita de um planejamento bem estruturado e bem-sucedido. Esta disciplina tem o objetivo de mostrar quanto uma organização está madura para absorver e manter as aplicações de PLM e até que ponto um processo específico está definido, gerenciado, mensurado, controlado e é efetivo para o processo de melhoria corporativa. Vários assuntos compõe a disciplina: gestão de projetos PLM, gestão de fluxos de trabalho (WfMS) e de processos de negócios (BPM), diagnóstico para melhoria de processos (as-is-to-be), modelos de referência, gestão de programas e portfólio com foco em PLM, métodos ágeis, análise da cadeia de valor para PLM, ERP, CRM e Lean Manufacturing, entre outros.

PLM na Gestão Colaborativa de Desenvolvimento de Produtos

24 h

Aborda diferentes teorias e aplicações na gestão colaborativa de desenvolvimento de produtos para eliminar desperdícios e maximizar a eficiência em todos os aspectos do ciclo de vida de produtos, desde a criação, projeto, manufatura até o descarte. Inclui novos ciclos de PDP (Processo de Desenvolvimento de Produtos), visão integrada de aplicações CAE/CAD/CAM e PDM, modelos estruturados para PLM, melhoria no desenvolvimento de produtos, gestão estratégica e operacional.

PLM na Gestão e Modelagem Organizacional

24 h

A disciplina tem ênfase na gestão integrada e multidisciplinar do ciclo de vida de bens e serviços, novas tecnologias, processos estratégicos, gestão do conhecimento, projetos globais, cadeia de suprimentos e novas formas digitais de negócios para que líderes e gestores possam tomar decisões e desempenhar suas tarefas no contexto da abordagem PLM e Indústria Digital.

PLM no Chão de Fábrica e Manufatura Digital

12 h

A disciplina tem como objetivo apresentar os fundamentos básicos da Manufatura Digital, sua abordagem, processos e tecnologias envolvidos, sua relação com o PLM no primeiro produto, ramp up e produção em escala. Um dos focos está principalmente no digital twin, o modelo digital para redução e otimização de recursos de produção. Abrange temas como: visão das aplicações de fábrica digital, MPM (Manufacturing Process Management), PLM no chão de fábrica, produção sustentável e integração do chão de fábrica com sistemas PLM, MES, IoT e I4.0.

Sistemas de Informação para Ambientes PLM

24 h

Nesta disciplina são desenvolvidos conhecimentos e soluções para sistemas de engenharia integrada, sistemas de automação, sistemas para gestão industrial, gestão por processos, integração de sistemas PLM, ERP, MES/MOM, PIMS, IoT, I4.0, entre outros. Abrange temas como: modelos de ciclo de vida, racionalização de sistemas de produção, plataformas e aplicações digitais para desenvolvimento de produtos, planejamento da manufatura e gestão de operações.

Corpo Docente

Antonio Carlos Dantas Cabral

Doutor em Engenharia de Produção pela USP. Mestre em Food Science - RUTGERS - The State University of New Jersey. MBA em Marketing pela FGV. Engenheiro de Alimentos pela Unicamp. Experiência como gestor de desenvolvimento de sistemas de embalagem em grandes empresas.

Ari Nelson Rodrigues Costa

Engenheiro Eletrônico pela POLI/USP, Físico pela USP, pós-graduado em Engenharia da Qualidade pela POLI/USP, em Engenharia de Embalagem pela Michigan State, e em Engenharia de Processos Industriais pelo IMT. Mestre em Engenharia Industrial pelo IMT. Doutorando em Sistemas Agroindustriais Sustentáveis pela UNICAMP. Experiência internacional em transferência de tecnologia, atuando nas áreas de automação, telecomunicações, gestão de produto, processos, qualidade de indústrias de diversos segmentos. Professor do Centro Universitário da Mauá. Pesquisador do Centro de Pesquisas do IMT no Núcleo de Sistemas Produtivos Inteligentes.

Daniel Bio

Engenheiro de Produção pelo Centro Universitário da FEI. Possui BBA (Bachelor of Business Administration) com foco em gestão de negócios pelo Mackenzie e MBA em Logística, Materiais e Supply Chain Management pela USP. Atuou na SAP Brasil por 22 anos nos segmentos de Manufatura e Supply Chain. Possui larga experiência em desenvolvimento de negócios e análise de processos para inovação, transformação digital e soluções SAP (PLM/ERP/SCM/SRM) com foco em manufatura e cadeia de suprimentos digital. Experiência acumulada na gestão de ambientes complexos para inovação e geração de valor nos segmentos de manufatura discreta, bens de consumo e automotivo.

Evandro Gama

Engenheiro de Produção Mecânica, P&D Head e Advisor para a Cadware-Technology. Promove educação e assessoria em soluções CAD Cloud-based, Projeto de Produto e Fábrica, PLM, ERP, MES, Fábrica Digital e Simulação. Especialista em arquitetura de sistemas PLM (Teamcenter, Enovia, Windchill, SAP PLM, Oracle PLM, Autodesk PLM, Pro.File e outros). Mestre em Engenharia de Produção, Planejamento e Controle de Sistemas Produtivos pela UFSCar. Doutor em Engenharia Mecânica, na linha de pesquisa Planejamento, Simulação e Gerenciamento de Sistemas de Manufatura pela EESC/USP. Professor Especialista no IMT - Instituto Mauá de Tecnologia.

Fabio Elias

Engenheiro de Controle e Automação pela UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas) com MBA em Gestão Industrial pela FGV (Fundação Getúlio Vargas). Especialista em MES/MOM, PIMS, LIMS, PLM e Manufacturing Intelligence. Especial interesse nas aplicações de Otimização e Simulação de Processos, Lean Manufacturing, TQM, FCS, Value Chain Management, ANSI/ISA S95 e S88, Sistemas de Controle e Manufatura Digital. Atualmente atua na Siemens Digital Industries Software como Diretor de Vendas e Negócios para o portfólio MES/MOM para América do Sul para os segmentos de Manufatura Discreta, Automotivo, CPG, Alimentos & Bebidas, Química, Mineração e Metalurgia, entre outros. Acumulou experiência na SAP em Industry Value Engineering e coordenação de Projetos MES/PIMS na Techplus Automação.

Gustavo Lima

Engenheiro de Produção Mecânica pela FEI, Especialização em Administração Industrial pela Fundação Vanzolini/USP, Gestão de Projetos SAP pela Deloitte, Supply Chain Management pela Accenture/Stanford University (Palo Alto, Califórnia), Gestão da Qualidade pela FDTE/USP e Fundação Christiano Ottoni. Larga experiência em sistemas de engenharia integrada, automação, gestão industrial, gestão por processos e integração de sistemas PLM, ERP (SAP, Oracle e Totvs), MES, PIMS, IIoT, I4.0, entre outros. Coordenador e professor do Programa de Educação Continuada na FGV - Gestão de Inovação e Tecnologia para a Industria 4.0. Atuou em empresas de tecnologia como SAP, Oracle, Deloitte, Accenture, Rockwell, Siemens, Atos, TCS, Aquarius e Projeto Otimiza-SLL.

Luiz Egreja

Engenheiro Eletricista pela Escola Federal de Engenharia de Itajubá (EFEI) com MBA em Gestão do Conhecimento, Tecnologia e Inovação pela FEA/USP. Atualmente atua na Dassault Systèmes para América Latina, responsável pelas ofertas comerciais e estratégias de Transformação Digital para Manufatura e Operações para soluções MES/MOM (Manufacturing Execution Systems/Manufacturing Operations Management), APS (Advanced Planning & Scheduling) e Manufatura Digital (DELMIA DM). Atua no desenvolvimento de parceiros e clientes nos setores Automotivo, Aeronáutico, CPG, Óleo e Gás, Mineração, Equipamentos Industriais, entre outros. Acumulou experiência em TI e Automação Industrial em empresas como Siemens, Rockwell Automation, Apriso, Hidroservice, Inovare e Aquarius Software. Também atua como Diretor de Manufatura Avançada para a ISA (International Society of Automation), São Paulo Section.

Matheus Terra

Engenheiro Mecânico pela EESC/USP com MBA pela FUNDACE-USP. Atuou como Engenheiro de P&D nas Indústrias Romi para implementação e customização de sistemas CAE/CAD/CAM, nacionalização e transferência de tecnologia de centros de torneamento e fresamento da Mazak Japão. Experiência como owner nas empresas MAPData e PLMExpert para aplicações de PDP, CAE/CAD/CAM e PLM da Autodesk, DS, Siemens, IBM, MSC e Smarteam. Longa experiência como Diretor de Pré-vendas e Desenvolvimento de Negócios LATAM na PTC Brasil para soluções de PLM, IoT e AR. Foi professor de CAE/CAD/CAM para os cursos de Engenharia Mecânica do Instituto Mauá de Tecnologia e da UNIMEP. Atualmente atua como Head de Transformação Digital na empresa de consultoria CleverX.

>