Tecnologia e Gestão de Obras

"A demanda por mão de obra especializada é muito significativa e os profissionais precisam capacitar-se para adquirir competências e habilidades que os tornem capazes para enfrentar desafios."

Introdução

O setor de Construção Civil vem se destacando como um dos importantes segmentos da economia seja pela sua representatividade, contribuição à formação do PIB, geração de emprego e renda, seja pelo desenvolvimento tecnológico, perfil dinâmico na matriz insumo-produto, papel político, entre muitos outros fatores. Sua demanda por mão de obra especializada é muito significativa.

Público-alvo

Profissionais interessados na especialização técnica de alto nível que alie teoria e prática no segmento de engenharia civil - gerenciamento de obras.

Pré-requisitos

Graduação. Experiência Profissional. A seleção dos participantes será feita mediante análise curricular e, eventualmente, entrevista.

Diferencial

A estrutura do curso é uma simulação dos problemas reais que ocorrem efetivamente no gerenciamento de empreendimentos de construção civil em seu local natural, o canteiro de obras. Dada a experiência do Corpo Docente nos mais diversos empreendimentos de construção civil no Brasil e em alguns polos dinâmicos de construção civil, o participante terá a possibilidade de aplicar as principais ferramentas e técnicas no seu dia a dia de forma progressiva e sistêmica.

Mais Informações

Início do Curso
Março de 2020
Horário
Das 19h às 22h30
Dias de aula
Segundas e quartas-feiras

Investimento por módulo - Valores já atualizados para o ano de 2020
Matrícula
Os valores correspondentes aos descontos por períodos serão concedidos de acordo com a data de pagamento da taxa de Reserva
Mensalidades
5 parcelas de R$ 1.580,00

Até 18 de outubro R$ 1.280,00
Até 20 de dezembro R$ 1.380,00
Após 20 de dezembro R$ 1.580,00

DESCONTOS

Ex-aluno: 10%
Grupos (2 ou mais alunos): 10%
Associados da AEXAM (ex-alunos): 15%
Ex-aluno Mauá formado em 2018: 30%
Empresas conveniadas (a consultar)

Taxa de Reserva: R$280,00

O pagamento poderá ser efetuado por meio de boleto, cartão de débito ou crédito.
Na efetivação da matrícula essa Taxa de Reserva será deduzida do valor da matricula. Em caso de desistência da matrícula o valor da taxa de reserva não será devolvido e a retenção se faz necessária para pagamento das despesas administrativas relativas ao processo seletivo, conforme preconizado no Código de Defesa do Consumidor. Caso não haja número de alunos interessados para formação de turma, o valor correspondente à Taxa de Reserva será devolvido integralmente.

Coordenação

David Fratel

Engenheiro Civil com mais de 30 anos de experiência no gerenciamento e execução de obras. Atualmente é Diretor Executivo da KALLAS ENGENHARIA. Atuou como CEO da YEP MANAGEMENT, CEO da PATRIMÔNIO INCORPORADORA E CONSTRUTORA, Vice-Presidente de Construção da INPAR / VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA. Foi diretor de engenharia da área de real estate do PÁTRIA INVESTIMENTOS (Blackstone Group). Entre 1995 e março de 2010 foi executivo e sócio da ENGINEERING S/A (atual HILL Internacional). Graduado em Engenharia Civil, pós-graduado em Planejamento e Controle na Construção Civil na UFBA, pós-graduado em gerenciamentos de empreendimentos na FGV-SP, especializado em Gestão de Projetos de Sistemas Estruturais na Poli - USP e mestrado em Tecnologia da Habitação no IPT- Instituto de Pesquisas Tecnológicas - SP.

Módulos do curso

Gerenciamento de Obras

Aspectos jurídicos de contratos

20 h

Introduzir os princípios contratuais, a estrutura contratual e alocação de riscos; entender as fases contratuais: Negociação, Execução, Cumprimento e Término; Explorar a formulação dos principais contratos em serviços de construção civil; Entender o surgimento e resolução de conflitos, através de mediações e arbitragens; decidir pelo acesso ao Poder Judiciário, quando a situação se mostra inevitável;

Gerenciamento de Obras Civis

20 h

Gerenciar é uma arte que exige do profissional conhecimentos e habilidades específicas. A disciplina tem como objetivo resumir as técnicas de gestão aplicáveis a todo o ciclo de vida do projeto, abordando situações reais e exercícios práticos.

Gestão da qualidade na Construção Civil

20 h

Fazer com que o aluno entenda os benefícios de se implementar um efetivo sistema de controle de processos e padronização dos procedimentos para conferir qualidade as serviços que constituem a cadeia da construção civil.

Gestão financeira de obras: fluxo de caixa e sistema integrado de gestão empresarial

20 h

Compreender a gestão financeira da obra, através da elaboração e controle do fluxo de caixa e sua interligação com o sistema integrado de gestão (ERP).

Métodos de Apoio à Tomada de Decisão

20 h

Tomar decisões é o que os gerentes de projeto fazem o tempo todo. A maioria não se sente confortável pelas incertezas nas decisões. A incerteza é onipresente em quase todas as decisões nos projetos. Mas quantos gerentes de projeto realmente conhecem as chances de sucesso em uma tomada de decisão? Essa disciplina tem como objetivo capacitar os alunos a tomar decisões de forma estruturada, empregando métodos de apoio, simulação computacional e análise multicritério.

Negociações Estratégicas e Resolução de Conflitos Empresariais

20 h

Levar ao aluno o conhecimento e a aplicação de técnicas e ferramentas para o alcance de um acordo, no processo de uma negociação. A metodologia tem como princípio básico a criação e a distribuição de valores com a finalidade de múltiplos ganhos.  Apesar de suportado por uma conceituação teórica, o curso apresenta exemplos práticos e reais, através da análise de cases, exercícios práticos, simulações e discussões em aula. Fará também parte do curso questionário para o conhecimento do estilo pessoal do participante numa negociação, assim como reconhecer o da contraparte para a condução mais eficaz do processo. O Professor aprecia, incentiva e coordena discussões em sala de aula sobre os temas apresentados.

Tecnologia e segurança na Construção Civil

Desempenho dos sistemas construtivos

20 h

Entender o conjunto de elementos definidos e integrados em conformidade com os princípios e técnicas da Engenharia e da Arquitetura para, ao conceber e operar o ambiente construído, sejam alcançados níveis adequados de desempenho e durabilidade. Serão explorados aspectos ligados a manutenções preventivas e corretivas, além de inspeções técnicas.

Gerenciamento de Projetos: Metodologia Aplicada às Obras

20 h

A disciplina permitirá que o aluno conheça a estrutura conceitual do PMBOK, que entenda os conceitos fundamentais de gestão de projetos no contexto da construção civil no ciclo de vida do projeto e explore as principais habilidades e competências requeridas aos gerentes de projeto.

Gestão de Produção de Estruturas de Concreto Armado

20 h

Discutir a importância dos projetos estruturais para o sucesso do empreendimento, apresentar e discutir critérios de execução das estruturas de concreto armado, avaliar indicadores de qualidade na execução de estruturas de concreto armado.

Gestão de Segurança do Trabalho na Construção Civil

20 h

Distinguir os conceitos de acidente e doenças do trabalho; Entender os riscos ambientais (físicos, químicos, biológicos, ergonômicos e de acidentes); Entender as exigências das principais Normas Regulamentadoras (NRs) aplicáveis aos canteiros de obras, compreender as necessidades do PCA, elaborar um modelo de PCMAT, identificar perigos e riscos de saúde e segurança do trabalho e elaborar planilha de controle, entender a correlação existente entre a segurança do trabalho com a sustentabilidade em canteiros de obras.

Medição e Avanço Físico de Obras

20 h

Explicitar aos alunos que o trabalho do gerente de projetos é atuar de modo que o projeto evolua em harmonia com seu plano e se complete com o mínimo desvio possível dos compromissos no termo de abertura. Para cumprir seu papel, os GPs precisam de ferramentas que lhes indiquem - Tempestivamente, acurada e precisamente - não conformidades e os apoiem na tomada de decisões e ajustes nas correções do planejamento. Será explorada a construção de uma estrutura analítica do projeto (EAP) que reflita com exatidão o que se deseja atingir, a que preço e em que prazo.

Planejamento e Logística do Canteiro de Obras

20 h

A deficiência do planejamento adequado do canteiro de obras, através de técnicas e conceitos logísticos é uma das principais causas do baixo desempenho da indústria da construção civil. A disciplina explora a necessidade do planejamento e logística do canteiro de obras, para que as atividades sejam desenvolvidas com racionalidade, evitando-se desperdício de tempo e de materiais, bem como a falta de qualidade nos serviços executados.

Corpo Docente

Artur Alexandre Rodrigues

Mestre em Engenharia pelo IPT-USP. Master Degree pela FGV. Certificado PMP/PMI-EUA. ITIL Foundation/EXIN-Holanda. Especialista em Projetos/Carnegie Mellon University-EUA. Consultor Sênior da Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia-USP.

David Fratel

Engenheiro Civil com mais de 30 anos de experiência no gerenciamento e execução de obras. Atualmente é Diretor Executivo da KALLAS ENGENHARIA. Atuou como CEO da YEP MANAGEMENT, CEO da PATRIMÔNIO INCORPORADORA E CONSTRUTORA, Vice-Presidente de Construção da INPAR / VIVER INCORPORADORA E CONSTRUTORA. Foi diretor de engenharia da área de real estate do PÁTRIA INVESTIMENTOS (Blackstone Group). Entre 1995 e março de 2010 foi executivo e sócio da ENGINEERING S/A (atual HILL Internacional). Graduado em Engenharia Civil, pós-graduado em Planejamento e Controle na Construção Civil na UFBA, pós-graduado em gerenciamentos de empreendimentos na FGV-SP, especializado em Gestão de Projetos de Sistemas Estruturais na Poli - USP e mestrado em Tecnologia da Habitação no IPT- Instituto de Pesquisas Tecnológicas - SP.

Donald Mac Nicol

Administrador de Empresas pela FGV, com diversos cursos de extensão universitária, dentre estes, dois cursos de negociação no Program on Negotiation da Harvard University, tema do qual é professor, tendo ministrado cursos nas principais instituições de ensino a exemplo no Insper, por mais de quinze anos. Atuou de 1972 a 1993, como executivo comercial em bancos como o BFB e o Boston, neste último como Diretor. Participou da expansão comercial do Banco no Brasil, ao lado do Dr. Henrique Meirelles. Nos últimos 20 anos tem atuado em negociações empresariais, através do escritório MacNicol, Rocha & Zanella Negociações, nas áreas de reestruturações empresariais, financeiras e M&A. É, também, coautor do primeiro livro comentado sobre a Lei de Recuperação Judicial.

Felipe Galea

Felipe Galea é sócio das áreas de Contencioso e Arbitragem e de Reestruturação e Recuperação de Empresas, do renomado escritório BMA (Barbosa Mussnich Aragão). Possui larga experiência na representação de clientes brasileiros e estrangeiros em disputas empresariais por todo o país, com destaque para grandes fundos de investimento e empresas com atuação global dos ramos de entretenimento, veículos automotores, editoras, ferrovias, construção e incorporação e agronegócio. É Mestre em Direito - PUC (2013), pós-graduado no Curso de Especialização em Direito Contratual - FGV (2007) e graduado em Direito - PUC (2003).

Ílio de Nardi Junior

Mestre em Tecnologia e Gestão Ambiental pelo IPT-USP. MBA em Gestão de Negócios e Tecnologia, MBA em Docência e Pós-Graduado em Gestão de Projetos pelo IPT-USP. Graduado em Engenharia de Produção Eletricista pela FEI. Sócio da Hemera Gestão Empresarial.

João Petrocelle

Pós-graduado em Negócios Imobiliários pela FAAP. Arquiteto pela FAAP. Graduado em Administração de Empresas pela FGV. Project Management Professional-PMI. Member of the Royal Institute of Chartered Surveyors. Sócio da Estratégia Produtiva Consultoria.

Lucedile Antunes

Engenheira Civil pela FEI com pós-graduações nas áreas de gestão ambiental (FEI - SBC), responsabilidade social (USP - SP) e gestão para excelência do desempenho (FGV). Atua como Diretora da L. Antunes Consultoria, é Coach Executiva e Life Coach formada pelo ICI - Integrated Coaching Institute em curso aprovado pelo ICF - International Coach Federation. Vasta experiência em manutenção predial, canteiro de obras e consultora e instrutora de vários cursos nas áreas de Sistemas de Gestão.

Márcio Joaquim Estefano de Oliveira

Doutor em Geociências e Meio Ambiente pela UNESP. Qualifying no curso de Doutorado pela USP. Mestre em Engenharia Civil pela USP. Graduado em Engenharia Civil pela EET e Engenharia de Segurança pela FUNDACENTRO. Diretor Técnico SMC Engenharia Consultoria.

Marcos Monteiro

Engenheiro Civil/Mackenzie, pós-graduação em Engenharia Estrutural/USP. MBA em Administração/IMT. Professor de Estruturas de Concreto Armado do Instituto Mauá de Tecnologia desde 1997. Sócio diretor da Planear Engenharia. Presidente da ABECE (2008-2010).

Maurício Farias

Administrador de empresas e Diretor na Hill Internacional (8ª maior empresa de gerenciamento de construção nos EUA, segundo a revista Engineering News-Record). Experiente executivo de recursos humanos com uma história demonstrada de trabalhar em diversas áreas (construção, serviços de TI e governo). Hábil em liderança, planejamento de negócios, gestão de pessoas, negociação, controles financeiros e diversas ferramentas de software.

Renan Frediani Torres Peres

Advogado sênior da área de Contencioso, Arbitragem e Reestruturação e Recuperação de Empresas de um dos mais importantes escritórios de advocacia do país, o BMA (Barbosa, Mussnich e Aragão). Atua em diversos estados brasileiros em processos judiciais e arbitrais nos quais se discutem relevantes questões contratuais, societárias, imobiliárias, ambientais, dentre outras, além de participar dos principais processos de recuperação judicial que estiveram e ainda estão aos cuidados do BMA. Graduado em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2009)​, Mestre em ​ Direito Processual Civil- USP (2015) e LLM – King's College London (2017).

Rodrigo Sabino

Engenheiro Civil pela Faculdade de Engenharia de Sorocaba. Especialista em Gestão de Projetos pelo Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançadas. Experiência como executivo de Empresas Construtoras nos vários segmentos. Atualmente é CEO da DGL Urbanismo.

Rogério Suzuki

Arquiteto graduado pela UFPR, mestrado em "Inovação na Construção" / USP, com 24 anos de experiência profissional em empresas de tecnologia. Possui 27 anos de experiência em ferramentas computacionais (CAD/CAM/CAE/GIS/FM/BIM/4D/EPPM). Atualmente é Gerente de Desenvolvimento de Negócios da ARCHIBUS e Sócio-Diretor da RS Consultoria.

Sérgio Adriano Loureiro

Professor Colaborador da FEC/UNICAMP e pesquisador do Laboratório de Aprendizagem em Logística e Transportes (LALT). Obteve o Doutorado e Mestrado em Engenharia Civil (UNICAMP) com ênfase em Transportes. Realizou doutorado sanduíche na Universidade de Bremen, Alemanha.

Wagner Costa Botelho

Doutor e Mestre em Engenharia de Produção pela UNIP. MBA em Gestão Ambiental pela UNINOVE. Especialista em Engenharia da Produção pela São Judas e Especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho pela UNIP. Graduado em Engenharia Elétrica pela UMC.

>