edição 94 - Agosto de 2018

Aluno de Engenharia Civil da Mauá ganha Prêmio Universitário do Ano KPMG

O estudante Gabriel Cattaruzzi, integrante da Enactus Mauá, foi destaque com seu projeto de uma fábrica de tijolos ecológicos

Aluno Gabriel Cattaruzzi, premiado como Universitário do Ano pela KPMG.

Desde 2015, a equipe Enactus Mauá participa do evento nacional Enactus Brasil - ENEB, que obtém grande destaque e boas colocações. Nesse evento, existe o Campeonato Nacional, no qual aproximadamente 60 times do Brasil competem entre si, apresentando seus projetos. O vencedor representa o Brasil no Enactus World Cup.

Em consequência dessa ação, existe, também, o Prêmio Universitário do Ano KPMG, uma outra premiação em que cada time competidor pode escolher uma pessoa que se destacou ao longo do ano para participar. O aluno do 5.º ano de Engenharia Civil, Gabriel Cattaruzzi, foi o escolhido da equipe Enactus Mauá.

Cattaruzzi concorreu com mais de 50 pessoas e foi o vencedor. Entre os projetos apresentados pela sua equipe no Campeonato, está o desenvolvimento de uma fábrica de tijolos ecológicos, que tem o objetivo de reinserir pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Além do prêmio, o estudante ganhou o direito de ir como observador ao Enactus World Cup, que acontecerá na Califórnia. Sua expectativa é conhecer o máximo de projetos que estão acontecendo ao redor do mundo e entender as possibilidades de trazer algumas dessas ideias para o Brasil.

Com o fim da graduação chegando, Cattaruzzi comenta que está muito realizado em poder fazer parte de um time como o Enactus Mauá. "Ganhar o prêmio foi muito gratificante, pois ele sintetiza todo o esforço que depositei ao longo desses quase três anos na Enactus Mauá. Trabalhei muito com meu time para o desenvolvimento das comunidades que atendemos, sempre buscando o crescimento da nossa equipe. Não tinha forma melhor para terminar meu tempo na Enactus", finaliza.

 

Fábrica de tijolos ecológicos

"A fábrica de tijolos ecológicos ainda não está funcionando. Estamos numa fase do projeto de capacitação de ex-moradores de rua para o processo de produção do tijolo. Para podermos colocá-la em funcionamento, precisamos de um galpão que comporte a produção e esteja num zoneamento urbano adequado para a abertura de uma fábrica", comenta Cattaruzzi.

O diferencial do trabalho consiste em que o aluno e sua equipe criam a oportunidade para pessoas que estão às margens da sociedade, oferecendo-lhes um projeto de caráter ecológico. "O tijolo ecológico que utilizamos possui muitas vantagens sobre o tijolo cerâmico comum. Não é preciso queimá-lo na fabricação. Ele agiliza o tempo de obra, facilita o nivelamento e as instalações hidráulicas e elétricas, além de não necessitar de argamassa para assentamento", explica o estudante.

Segundo o aluno, os próximos passos para o projeto são:  terminar as capacitações de produção com os participantes e conseguir um local adequado para ela, a fim de poderem iniciar as vendas.

Mauá foi destaque no Winter Challenge 2018

A equipe Kimauánisso Robotics Team foi a mais premiada do torneio, conquistando sete troféus

A 14.ª edição do Winter Challenge trouxe mais sete troféus para a equipe Kimauánisso Robotics Team.

Em julho, além da Copa do Mundo, outro evento também mexeu com nossos corações e emoções. O Winter Challenge, de 06 a 08 de julho, no Campus de São Caetano do Sul da Mauá, foi um dos maiores e mais importantes eventos de robôs da América Latina. 

A 14.ª edição do evento contou com mais de 1.300 competidores das principais universidades do Brasil, que comandaram cerca de 540 robôs nas mais diversas competições.

Equipe Kimauánisso

Colecionadora de muitas conquistas e destaque entre as cinco melhores equipes de Robótica do Brasil, a Kimauánisso Robotics Team garantiu mais sete troféus no Winter Challenge.  Foi a equipe mais premiada.

No campeonato, a Kimauánisso liderada pelo professor de Engenharia de Controle e Automação da Mauá, Anderson H. Moreira, foi destaque nas seguintes modalidades: 1.º lugar em Artbot, Mini Sumô 500g (Auto) e Sumô 3kg (auto); 1.º e 2.º lugares Sumô LEGO® 1kg (auto); 2.º lugar em Sumô 3kg (R/C) e 3.º lugar em Sumô LEGO® Jr. 1kg (auto). 

"Esse resultado é o reflexo de todo o trabalho e empenho dos alunos do Instituto Mauá de Tecnologia, que se mantiveram focados não apenas durante os dias de evento, mas também ao longo de toda a preparação. Ser a equipe com maior índice de premiações de uma das competições de Robótica mais importantes da América Latina é extremamente significante para toda a Mauá", comemora o professor Anderson H. Moreira.

Acompanhe a Mauá nas Redes Sociais
Instituto Mauá de Tecnologia - Todos os direitos reservados 2020 ©